O que é GTO no poker? É possível jogar de maneira “perfeita” o tempo todo?

Home » Blog » O que é GTO no poker? É possível jogar de maneira “perfeita” o tempo todo?

BLOG

December 01, 2021 1:45 am

O que é GTO no poker? É possível jogar de maneira “perfeita” o tempo todo?

O GTO (Game Theory Optimal) é um conceito matemático usado para qualquer jogo e vem sendo usado no poker para que o jogador possa tomar a melhor decisão independente das tendências dos movimentos dos demais jogadores da mesa.

Uma teoria que mostra qual a melhor decisão perto da situação perfeita ou mesmo perfeita em uma jogada. O objetivo é que nenhuma ação do seu adversário possa se tornar algo lucrativo. Na prática, “jogar por GTO” é uma forma de buscar jogar da maneira mais perfeita possível para se tornar um jogador inexplorável. 

A teoria dos jogos e o Poker

Em meados de 1950, na Universidade de Princeton, John Nash desenvolveu a teoria dos jogos como um ramo da matemática. Compreender a complexidade do poker matematicamente prova que cada decisão influencia a taxa de vitória do jogador. Costuma ser medido pelo valor esperado (EV). Se for lucrativo é +EV, se não for, é -EV.

Em quase duas décadas, os jogadores mudaram drasticamente a forma de jogar poker fazendo com que seja cada vez fica muito mais difícil vencer o jogo sem o conhecimento teórico. Existem várias controvérsias sobre essas duas formas de se jogar, como se fosse obrigatório escolher um desses métodos. 

Existem muitos jogadores que defendem a prática do GTO no poker argumentando que jogar explorando  falhas matemáticas é mais lucrativo, já que a maioria dos adversários não joga de forma ideal. A questão é que o GTO não é uma forma de jogar, é uma teoria. Uma teoria que, se aplicada ao jogo de poker, prova matematicamente o que seria conveniente fazer para se ter o melhor resultado possível.

A verdade é que, qualquer que seja o nível dos jogadores, eles sempre jogarão explorando o erro dos oponentes. Isso porque o objetivo sempre é conseguir o maior lucro possível. O que distingue os jogadores de diferentes níveis é serem mais ou menos exploráveis.

Sendo assim, mesmo que o jogador de poker jogue apenas de forma exploradora, ele precisa entender GTO para poder explorar os demais jogadores da melhor forma possível.

A intenção em se jogar de forma ideal é tornar o jogador inexplorável. Quanto menos se usa o GTO no poker, mais explorável é o jogo dele. Por isso que, quanto mais se estuda o GTO no poker, mais nítido ficam os erros cometidos pelos adversários, ou seja, mais exploráveis se tornam e mais lucrativo é o jogo. 

Começando a compreender o GTO no poker

O GTO – a teoria do jogo perfeito mostra como o jogo seria se todos os jogadores conhecessem tudo sobre estatísticas e estratégias e não cometessem erros.

Por isso é uma teoria, porque, na prática, o cenário é outro. E isso é para qualquer jogo, não apenas para o poker. Sabemos que não existem jogadores que sabem tudo sobre estatística e estratégia (se houver, são muito poucos). Então, por que é tão importante sabermos sobre GTO no poker? Sabendo a teoria corretamente, saberemos interpretar a jogada do outro jogador. O que ajuda a ajustar a estratégia que será usada.

Os mitos criados sobre o GTO no Poker

  • Sempre usar o GTO no jogo é o mais vantajoso. Muitos jogadores, principalmente os mais novos, acreditam nesse mito. Só que a prática demonstra que nem sempre aplicar a linha inexplorável trará vantagens. Um exemplo disso é quando se joga contra “maniacs”, que não entendem de range e conseguem “ownar” um jogador que se utiliza somente do GTO, utilizando-se apenas de sua imprevisibilidade. Esse é um caso clássico de desvantagem do GTO em relação a um jogo sólido, mas menos matemático.
  • Os maiores jogadores do mundo só jogam com base no GTO. A verdade é que eles, apesar de conhecerem o GTO, não se apoiam somente nessa teoria porque eles conseguem mais vitórias com estratégias adaptadas para cada tipo de oponente. Quer um exemplo? Phil Hellmuth, maior vencedor de braceletes da WSOP, não gosta nem de ouvir falar em GTO.
  • Só uma mente matemática pode entender e usar o GTO Poker. Também não é verdade. Exatamente por ser teoria, conseguindo decorar, ou melhor, entender o modelo, consegue-se empregar o GTO nas jogadas.
  • Se uma estratégia explorável pode ser mais vantajosa, não há razão para saber GTO no Poker. Outra dedução equivocada. É muito recomendável sim, saber todos os princípios de um jogo inexplorável, pois algumas estratégias que podem ser mais lucrativas que o GTO são baseadas em leitura e precisam de tempo para serem usadas. Um exemplo disso é quando um jogador faz a migração de jogo de 4 para 6 ou 8 mesas. Ele terá menos tempo para fazer leituras e poderá se apoiar no GTO, já que ele faz muito mais sentido quando se joga multitabling.

Foi dada uma importância maior do que merece ao GTO Poker?

Após a Black Friday do poker online, que aconteceu 10 anos atrás, os jogadores começaram uma corrida para descobrir uma estratégia perfeita para obter ganhos automáticos sem precisar de grandes esforços mentais. 

Principalmente os novos jogadores, que insistem em encontrar a combinação perfeita, memorizar as regras e acabam por esquecer de observar seu adversário, buscar interpretar o que ele tem e o que está pensando. E isso está prejudicando principalmente jogadores de pequenos stakes no poker, por acharem que devem jogar como robôs.

Conforme esses conhecimentos matemáticos foram sendo empregados no poker, softwares e até mesmo solvers, foram criados para demonstrar as várias probabilidades dentro de uma jogada, mostrando qual a melhor decisão. Tudo com o objetivo de evitar que outros jogadores lhe explorem. 

Entretanto, na prática, o potencial de um jogo que conta com a leitura do oponente pode fazer toda a diferença. Digamos que a aplicação do GTO lhe ajudou a chegar no top 50 do Main Event do WCOOP. Agora, restam poucos players, o jogo conta com uma estrutura mais lenta e os jogadores se “conhecerão” mais. É um cenário onde a leitura é essencial. A aplicação do GTO agora é muito menos importante, já que haverá metagame envolvido e leituras corretas poderão fazer toda a diferença.

Perceba que, no exemplo acima, quando se está na reta final de um torneio, os pay jumps são maiores e, por mais que o GTO tenha lhe ajudado a chegar lá, o que é algo ótimo, sem uma excelente base de leitura de jogo, metagame, mudança de marchas e outras estratégias, você não conseguirá uma premiação maior, sempre baterá na trave.

Por que usar uma estratégia de GTO no Poker?

Se boa parte dos ganhos vem da exploração de jogadores mais fracos ou desatentos, qual a razão de jogar dentro de uma estratégia influenciada pelo GTO?

As principais razões são:

  • Desenvolvendo uma estratégia baseada em GTO, você poderá fazer mais multitabling e aumentar sua lucratividade. Você também “sangrará” menos, não se permitindo cometer erros primários.
  • Usando como referência para uma estratégia que possa se ajustar, fica mais fácil se adaptar ao jogo de seus adversários.

Quando o jogador for revisar suas jogadas, dentro do GTO, precisa analisar de forma objetiva como as mãos foram jogadas. Para saber se conseguiu jogar seu range de forma equilibrada. 

Usando essa teoria, quando estiver estudando, procurar saber o que faria com qualquer carta que tivesse nas mãos e em qualquer situação e não apenas com as duas cartas que recebeu. Avaliar o que poderia ter feito de diferente, que seria mais lucrativo. 

Quando é vantajoso usar o GTO no Poker?

  • Quando for definir a sua frequência de blefe, por exemplo, se você se basear nessa teoria, poderá tornar quase impossível ser completamente lido.
  • Usar o GTO em sua estratégia, ajuda você a calcular ranges dos seus oponentes com muito mais precisão e muito mais rapidamente. Claro que, se você já jogou mãos suficientes para conhecer seu adversário, a teoria é desnecessária. Uma estratégia  bem elaborada de GTO ajuda a tornar o jogo lucrativo a longo prazo.
  • Avaliar, depois do jogo, se a estratégia usada foi a mais rentável a longo prazo com o seu range, não apenas com as duas cartas da mão.

Todo jogador de poker experiente sabe que ter consciência de onde errou é fundamental para realizar com sucesso suas jogadas. O GTO consegue fornecer uma base para distinguir esses erros com maior facilidade.

  • Existem várias situações que, entendendo a forma ideal de jogar uma mão, torna a exploração dos outros jogadores mais fácil. Consegue perceber como eles estão longe do ideal e isso facilita o ajuste de sua estratégia.

Conhecer o GTO Poker para usar como base de sua estratégia pode ter muitas vantagens. É muito mais fácil sair da teoria e passar a usar apostas e jogadas exploráveis do que o contrário. Afinal, como estratégia geral, é necessário aumentar seus lucros e explorar ao máximo seus oponentes em todas as situações e decisões tomadas. 

O consenso é conhecer e usar o GTO no poker para direcionar sua estratégia o quanto for possível. A polêmica em volta do GTO, talvez ainda esteja longe de ser resolvida. O fato é que o poker é um esporte mental e é necessário aprender a pensar por si só e não ficar tão preso a teorias. A prática é a melhor maneira de se aprender e adaptar o GTO para o melhor proveito no jogo. 

O GTO é o futuro do poker? É possível jogar em um modelo matemático “inexplorável” o tempo todo?

O mundo do poker ainda está se adaptando e aprendendo a usar essa teoria matemática. É provável que a polêmica sobre a forma de se usar o GTO ainda se prolongue. Conciliar o antigo com o novo sempre causa esses choques até conseguir a adaptação necessária. Desde que o poker nunca perca sua essência, tudo vale para o aproveitamento máximo que esse esporte oferece. 

Os softwares podem sugerir a aplicação da teoria e lhe mostrar as melhores possibilidades para buscar não ser explorado. Entretanto, quem joga são pessoas e não robôs, portanto nossas ações interferem, e muito, numa jogada perfeita ou quase perfeita.

Você pode fazer o jogo ideal no que se baseia em modelos matemáticos, mas se o adversário tiver a habilidade de te desestabilizar e induzi-lo ao erro, o que tende a fazer toda a diferença em um jogo heads-up, por exemplo, você aprenderá da maneira mais amarga que esse modelo não é tão “inexplorável” assim.

Esse é um dos maiores encantos e desafios do poker – a adaptação. Você pode usar seu talento humano e interpretar a intenção do oponente, ajustar sua estratégia de acordo e vencê-lo, algo que fórmulas e teorias matemáticas nunca conseguirão fazer.

No entanto, o GTO está aí para ajudar e deve ser desenvolvido sim! Basta que fique claro que ele não faz milagres. Mesmo que se jogue somente dentro das métricas do GTO, quando se trata de torneios de poker, por exemplo, onde se passam horas e horas a fio jogando, fazer sempre jogadas matematicamente inexploráveis pode te levar somente até um determinado limite.

Em primeiro lugar porque quanto mais se joga com os mesmos oponentes, mais eles vão se “conhecer” e mais importante será a leitura. Em segundo lugar, porque até mesmo a mente mais analítica teria muita dificuldade de se manter em um modelo de jogo baseado em GTO por 9 ou 10 horas de torneio sem nunca errar. Somos humanos e não máquinas!

Fique ligado!

Oferecemos, com frequência, uma série de artigos que podem ser acessados gratuitamente em nosso blog, para que você se informe sobre os aspectos que envolvem casas de apostas e o universo do poker.

No artigo de hoje, você pôde conhecer um pouco mais sobre o famigerado GTO. Apesar de ser um tema polêmico e criticado por muitos jogadores, todo mundo sabe que ele só tem a ajudar o desenvolvimento de um jogador. Entretanto, é preciso que quem está começando saiba que não é “o modelo de jogo mais lucrativo”. 

Poker é um jogo de pessoas e, assim como Kasparov ganhou de um computador no xadrez, um jogador versátil e de leitura afiada saberá explorar qualquer modelo de jogo que seja rígido demais. Superestimar os benefícios do GTO pode ser muito prejudicial. Ao invés disso, utilize o que ele tem a ensinar de forma aliada a outros ensinamentos e construa um conhecimento sólido e que se aplique melhor a você. 

Além desse conteúdo gratuito, nós também oferecemos uma cotação justa para que você possa adquirir fichas online, por meio de transações seguras e confiáveis, graças aos 11 anos de experiência que acumulamos no mercado.

Então, já sabe: sempre que precisar de créditos para começar sua própria carreira no poker, basta chamar a DM Créditos em nosso chat ou no WhatsApp!

Facebook | DM Créditos
Whatsapp: (31) 9 8472-3490